[Resenha] Um Amor para Penélope - Diane Bergher

by - junho 02, 2018



Um amor para Penélope ● Belle Epoque #1 ● Diane Bergher ● 2017 ●  Romance de Época ● 435 Paginas ●  Classificação: 5/5 ●

A vida fez de Penélope uma mulher forte e tenaz. No início do século XX, o sonho de toda mulher é ter um bom casamento e filhos, exceto para Penélope. Prestes a completar 25 anos, Penélope apenas quer receber a herança deixada pelo pai, um inglês que a deixou no Brasil ainda menina, e abrir uma escola para moças em São Paulo. Prestes a realizar seu sonho, Penélope é chamada por sua madrinha Violeta para que acompanhe a jovem Flora nos eventos sociais do Rio de Janeiro. Sem poder negar um pedido de sua amada madrinha, Penélope parte para o Rio de Janeiro, onde é acolhida pela tradicional família Gusmão de Albuquerque. Dona de uma beleza incomum e de uma inteligência irreverente, Penélope acaba por ser cortejada por vários cavalheiros, o que desperta ciúmes no solitário e responsável Felipe Gusmão de Albuquerque, o primogênito de Violeta. Viúvo e com uma filha pequena para educar, Felipe não esperava se apaixonar pela afilhada da mãe e fará de tudo para mantê-la distante de sua organizada e planejada vida. Felipe entende que Penélope não reúne as qualidades necessárias para ser a esposa de um rico banqueiro e chefe de uma das mais tradicionais famílias do Rio de Janeiro. Atormentados pela forte atração que sentem um pelo outro, Penélope e Felipe sucumbirão ao desejo e um forte sentimento nascerá entre eles.

OOh queeem voooltooou!!! Eu demorei, mas voltei. Nunquinha que ia deixar vocês sem resenha fresquinha, de um livro maravicherry que li participando de um booktour. Eu estou um pouco corrida na vida, as leituras estão em dia, o que falta é tempo mesmo para resenhar gente. Mas me perdoem, e cá estou eu para falar sobre um romance de época gostoso. Quem me conhece sabe o quanto sou doida por Romances, principalmente por um Romance de Época.

Um Amor para Penélope conta a história de vida da jovem Penélope. O enredo se passa no Rio de Janeiro, e Penélope é metade inglesa e metade brasileira. Ela é uma preceptora cheia de garra, forte e batalhadora. Sua historia começa sendo órfã de mãe, e seu pai, teve que deixa-la em um colégio para moças, pois precisava cuidar de outros afazeres, e infelizmente em um futuro ele foi a óbito.

Assim, Penélope cresce sem acreditar no amor, sem querer um casamento, e com o sonho de completar sua idade superior para ter direito a herança que seu pai deixou. Com o dinheiro da herança Penélope sonha em abrir uma escola pra moças. O que ela não contava, é que no meio do caminho, sua madrinha apareceria e tentaria arrumar um casamento digno para sua afilhada. Penélope chega arrasando todos os corações no Rio de Janeiro, e despertando a inveja de outras madames.

Nessa jornada Peny fica hospedada no casarão da família, e logo se encontra com Felipe, viúvo, primogênito de sua madrinha, e com uma filha linda, no começo as brigas entre eles são grandes, mas eles se apaixonaram um pelo outro, e Peny não contava com isso. Surpresa maior ainda ocorre quando o Duque da Inglaterra aparece atrás de Peny.  
Peny é encantadora, e o casal transborda amor pelas páginas. Algumas cenas são grandes comédias, e altas gargalhadas são esperadas. Ainda temos Flora, filha mais jovem de sua madrinha, Flora vive grandes aventuras e temos um livro de Flora minha gente, que ja comecei a ler e estou IN LOVE!

O livro é lindo, tem uma diagramação muito amozinho, muito fofa e característica do gênero. A capa sem sombra de dúvidas arranca o fôlego e suspiros. Diane escreve com grande maestria e deixa o leitor apaixonado por suas palavras e pela historia magnífica que desenvolveu. Eu ainda não conhecia a escrita da autora, mas já sou uma fã de carteirinha assinada, alôoooo fã clube da Diane, me coloquem na lista de vocês. Recomendo muito a leitura, são mais de 400 páginas que você lê devorando. Escutem o conselho de amiga aqui que vocês não iram se arrepender.
Beijos mores, até a próxima!


“ {...} Você é como uma dessas flores, melhor, você é a rainha dessas flores, você é minha paixão!”

You May Also Like

0 comentários

@resenhasecafe