[Resenha] Pro Inferno com Isso - Matheus Peleteiro

by - abril 17, 2018


Pro Inferno com Isso  Matheus Peleteiro ● 2017 ● Conto  80 páginas   Classificação: 4,8/5   Compre: Amazon 


"Escrever sobre a urgência da vida. É assim que Pro inferno com isso, de Matheus Peleteiro, chega até o leitor. São contos curtos e rápidos, que nos fazem lembrar a todo instante aquilo que nos humaniza e que nos desumaniza. Matheus tem a habilidade de nos fazer pensar através de uma prosa ágil, plena em diálogos que trazem o leitor para junto do livro e de cada trama. Aqui, encontramos personagens em busca de sonhos e em busca de vinganças, homens e mulheres à beira da loucura, ou possuidores de demasiada sanidade. Em cada história, o recorte de uma vida que poderia ser a de quem está agora mesmo ao seu lado, de um parente ou vizinho – ou quem sabe, a sua própria. Obra carregada em tons de vibrante realidade, eis aqui um livro assombroso, no melhor sentido da palavra. Nas vinte e três histórias que você tem em mãos não existem absurdos nem inverossimilhança. Absurda é a vida – e esta obra pulsa, repleta dela."

Pro Inferno com isso é a primeira obra que leio do autor, o que me deixou maravilhada e a última publicada. O jovem autor escreve com maestria e envolve o leitor em cada conto que escreveu.
Os contos que retratam o quotidiano de forma leve e descontraída nos fazem refletir sobre como vivemos e como convivemos.
Com muitos contos me identifiquei, identifiquei amigos, familiares e até certas situações presenciadas.
Como li a ultima obra publicada, resolvi ler a primeira – Mundo Cão e preciso mencionar sobre o quanto o amadurecimento na forma de colocar as palavras e envolver o leitor chamou minha atenção.
É uma obra leve, cativante, brilhante que envolve o leitor em cada conto. Um grande companheiro para as pequenas viagens de ônibus ou carro. Contos para ser lidos sem pressa e com vontade de desvendar todas as entrelinhas.

Sobre o autor: Nascido em Salvador – BA em 1995, escritor, poeta e contista, Matheus Peleteiro publicou em 2015 o seu primeiro romance, Mundo Cão, pela editora Novo Século. Em 2016, lançou a novela intitulada "Notas de um Megalomaníaco Minimalista", pela editora Giostri, o livro de poemas "Tudo Que Arde Em Minha Garganta Sem Voz", pela editora Penalux e teve também um conto selecionado para a coletânea "Artistas Liberais", publicada pela editora Dalle Piage, e outro para a Antologia Gengibre - Diálogos para o Corações das Putas. Em 2017, publicou "Pro Inferno com Isso", seu primeiro livro de contos.

You May Also Like

0 comentários

@resenhasecafe