Resenha: Vou Amar Você... para sempre - Daniele de Liberali Cavalcanti

setembro 13, 2017


Autora: Daniele de Liberali Cavalcanti| Editora: Multifoco| Gênero: Romance Páginas: 352| Ano: 2016


Sinopse: Pode o amor fazer alguém sentir-se preso e desiludido? Um dia me disseram que amar é deixar livre, é ser livre e eu acreditei. (...) A utopia do amor que tanto acreditei. Encontrar a minha metade que um dia foi separada de mim. Juntar-me a ela e sentir-me inteira novamente. Quando sua avó perguntou por que ela não dava uma chance a ele, afinal de contas ele a amava, ela simplesmente disse não. Mal sabia ela que acabaria apaixonada por ele e encarcerada por um amor cheio de segredos. Vou Amar Você... Para Sempre é a história de um romance entre duas pessoas que se conhecem desde crianças e se tornam vizinhos quando a avó dela morre e sua família se muda para sua casa. Ela é muito tímida e sonhadora e imagina encontrar seu príncipe encantado e viver um conto de fadas. Ele a conhece desde bebê e é apaixonado, mas inseguro para se aproximar. A avó dela sempre soube da paixão dele por ela e tenta aproximá-los. Mas ela não o vê além de um amigo que está sempre pronto a ajudá-la e, ao mesmo tempo, uma pessoa distante e reservada que a observa de longe. A paixão acaba acontecendo para ela quando ele está noivo. Ela pensa que não há mais chance e resolve esquecê-lo. Porém, o noivado acaba e ele está livre novamente. Inesperadamente, eles se encontram e a paixão que ela pensava ter acabado, volta mais forte. Ele está num momento difícil da sua vida. Ela quer ajudá-lo, mas ele não permite e se mantém distante. Então, ela faz uma profunda viagem as suas lembranças para entender por que ele é tão distante se ele a ama tanto. Imaginando como seria sua própria história se ele se abrisse para ela, ela se questiona se o que ela está vivendo é amor e o quanto isso vale a pena, chegando a conclusão de que tudo foi planejado por ele por vingança.


Resenha: Narrado de forma intercalada entre os personagens, ele nutre um amor por ela e ela só consegue perceber muito tarde, quando ele esta noivo. Mas, o noivado acaba e ela percebe que sua paixão apenas aumentou com o tempo. Eles se entregam, mas a falta de dialogo entre eles é muito grande. O amor não é saudável, é um amor possessivo, doentio que fere a alma e impede de ser feliz. O Romance é bem pesado de certa forma, talvez porque eu não esteja acostumada a ler romances assim, que infelizmente sabemos que ocorre em nosso cotidiano. A leitura fluiu muito bem, mas já adianto que fiquei muito angustiada enquanto lia. É um livro lindo, pois independente da forma, fala sobre o amor. Uma forma dura de amar e que nos faz refletir muito sobre ele. Vale muito a pena leitura. Agradeço muito a oportunidade que Daniele me deu, de ler sua obra e aprender mais sobre o amor, ou melhor a forma triste e fria de amar e que independente das circunstancias, se é amor, não acaba. 

Você pode se interessar também

2 comentários

  1. Letícia, como você programa suas leituras?
    Eu lembro que você postou no BEDA superficialmente.
    Mas estou com uma dificuldade imensa de ler mais livros com um tanto de leitura que tenho na faculdade.
    Te admiro demais.
    Beijinhos linda ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Klissia, primeiro muito obrigada pelo carinho! Você me inspira cada vez mais! Organizo minhas leituras da seguinte forma: todo final de mês seleciono os livros que irei ler no próximo mês, não me sobrecarrego, seleciono no maximo oito. Pra ter uma folguinha também rs. Separo então duas horas no período da manhã (acordo bem mais cedo) e duas horas no período da noite (antes de dormir geralmente). Costumo ler meia hora cada livro, tempo cronometrado, às vezes leio um livro apenas por duas horas para agilizar a leitura mas isso acontece raramente.. espero muito ajudar você!!! Super beijo!

      Excluir

Siga me os bons!

Me Segue aqui também

@resenhasecafe