Resenha: A Garota do Calendário - Fevereiro; Audrey Carlan

agosto 10, 2017


Autora: Audrey Carlan| Editora: Verus| Gênero: Romance Adulto (+18)| Páginas: 135| Ano: 2016| Classificação: 4/5  


Você pode se interessar por: A Garota do Calendário - Janeiro

Sinopse: Ela precisava de dinheiro. E nem sabia que gostava tanto de sexo. Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Em fevereiro, Mia vai passar o mês em Seattle com Alec Dubois, um excêntrico artista francês. No papel de musa, ela vai embarcar em uma jornada de descobertas sexuais e lições sobre o amor e a vida que permanecerão com ela para sempre.

Resenha: Com a narração intercalada entre os personagens, Mia Saunders agora estava em Seatlle, ao lado de Alec, um artista francês. Alec é famoso por conta de seus quadros, e Mia foi sua musa inspiradora para um novo projeto que seria esplendor. Alec tem um corpo que logo de cara deixa Mia doida. Mas o assunto aqui era a maior parte do tempo trabalho, trabalho e trabalho, sem passeios, sem rodeios. Alec é um cara focado, que limita todo seu tempo ao trabalho e após isso levava Mia aos suspiros. E nesses impasses de sexo e trabalho, Mia se descobre de diversas maneiras, expondo para fora de si todos os seus sentimentos. Ela ainda continua apaixonada por Wes, seu primeiro acompanhante, mas também se sente completa com Alec e seu sotaque frances, o mulher viu. Apesar de sua paixão por Wes, Mia vive cada minuto ao extremo com Alec. Experimentando tudo de novo que esta ao seus pés.
Bom, o segundo livro da saga, não foi tão maravilhoso quanto o primeiro, acredito que eu também tenha me apaixonado por Wes. Alec é totalmente o oposto de Wes, ele também é maravilhoso, mas foi muito lento – quase parando – no começo do livro, ele se mostrou determinado a concluir seu projeto, obvio que ele solicitou a acompanhante para ser sua musa, mas Mia estava disposta a se divertir. 

Gostaram do livro? Me conte aqui nos comentários!



Você pode se interessar também

5 comentários

  1. Olá!!

    Primeiro "Janeiro é o melhor mês" rs..
    Alec não é um personagem ruim, o problema é que ele veio depois de um maravilhoso então comparações são inevitáveis e seu tipo de amor não me convence muito, sempre alguém acaba machucado então fiquei com pé atrás o livro todo. No mais achei um livro bacaninha para a proposta e rápido de ler.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Fiquei bem curiosa com a história queria poder ter o livro, iria devora-lo com certeza pois adoro história com esse tema mais picante, beijos!

    ResponderExcluir
  3. Até onde li, o mês de fevereiro é o que menos gostei. Foi bem zzzz
    O final deu uma melhorada... O terceiro já gostei mais. Espero que goste também. Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi Leticia! Ainda não li esse livro, apesar de já ter visto várias pessoas falando dele. Fiquei super curiosa com a história e adoro um livro de romance. Ah e adoro um livro de romance. Beijoos

    ResponderExcluir
  5. O que estou achando mais legal no BEDA é ter a oportunidade de conhecer livros diferentes dos que temos na estante.
    Parabéns, sua resenha ficou muito boa.

    ResponderExcluir

Siga me os bons!

Me Segue aqui também

@resenhasecafe