Cidades de Papel

abril 22, 2017


Título: Cidade de Papel
Autor: John Green
Editora: Intrínseca
Páginas: 366
Ano: 2013
Gênero: Mistério/Drama









Quentin é apaixonado por sua vizinha, Margo, desde que ambos eram crianças e, na época amigos.

Eles crescem e acabam se afastando, até que certa noite ela invade a janela do seu quarto pedindo o carro emprestado e sua companhia em uma missão de vingança contra o ex-namorado e alguns amigos que a traíram. 

Apesar da relutância em participar de algo que parecia até mesmo marginal. Q (maneira com que geralmente é carinhosamente chamado) aceita e tem a melhor noite de sua vida ao lado daquela misteriosa garota que havia se transformado sua amiga.

Na esperança de mudar sua relação e se aproximar de Margo, Q descobre que ela fugiu de casa. Com o decorrer do dia, Q descobre que Margo deixou algumas pistas, e decide segui-las acreditando que Margo gostaria de ser encontrada. 

Nessa aventura, Q se junta com seus melhores amigos Ben e Radar, além de Lacey, melhor amiga de Margo, e Angela, namorada do Radar.

Juntos, embarcam em uma viagem onde vivem novas experiências e momentos inesquecíveis.


A escrita de John é leve e fácil, e em nenhum momento fiquei entediada. O final é previsível, porém a leitura até ele é interessante e muito reflexiva.  






Você pode se interessar também

0 comentários

Siga me os bons!

Me Segue aqui também

@resenhasecafe